A nossa Escola Secundária festeja o 50.º Aniversário

A 28 de outubro de 1971 nascia, em Ourém, aquela que foi e continua a ser a Escola de referência do ensino Secundário, neste concelho.

A data foi assinalada, de forma simbólica, numa sessão que decorreu a meio da manhã e que contou com a presença dos elementos da direção, dos delegados das turmas, professores e assistentes operacionais.  

A diretora começou por referir que este dia marca o início de “um ano em festa”, cuja concretização está a ser criteriosamente preparada, atendendo às medidas de prevenção relativas à pandemia.  

Sandra Margarida Pimentel, vincou que “este foi apenas um ato simbólico, de um ano letivo em que vamos, ao longo de todo o ano, realizar um conjunto diversificado de atividades para assinalar os 50 anos da nossa escola estando, toda a comunidade escolar convidada a propor atividades temáticas, que visem assinalar este aniversário ”.

“Este é um estabelecimento de ensino que, ao longo do tempo, foi tendo uma diversificada oferta escolar e formativa no sentido de proporcionar a melhor formação dos cidadãos e população escolar do concelho de Ourém. Continuamos a trabalhar, diariamente, para que isso aconteça e nas mais variadas vertentes e formas, desde o 5.º Ano (na escola-sede) até aos adultos”, referiu.

Após a intervenção da diretora, a cerimónia culminou com o descerrar de uma tela evocativa da data, que se encontra exposta no exterior do edifício principal da Escola Básica e Secundária de Ourém, concebida pelos alunos de artes do 11.º e 12.ºAnos, sob orientação da professora Graça Martins. O ato contou com a participação simbólica de Cândida Oliveira, assistente operacional que hoje trabalha nesta escola - que frequentou enquanto aluna, precisamente, no ano de inauguração (1971) - a que se juntaram, o professor Luís Neves, em representação dos docentes que lecionam há mais tempo na escola e a aluna Núria Faria, na qualidade de representante dos discentes mais novos (5.º Ano) a frequentarem a nossa escola.